Tamanho da fonte

25/08/2021 - Editado há 1 mês

Educação Infantil define livros didáticos para a pré-escola

Por: Maricelio Almeida
Foto: Allan Phablo/PMM

Nesta quarta-feira, 25, gestores das Unidades de Educação Infantil (UEIs) e das escolas da rede municipal de ensino se reuniram para consolidar a escolha da editora que ficará responsável pela distribuição de livros didáticos e pedagógicos que serão utilizados pela Educação Infantil no ano letivo de 2022. Essa é a primeira vez que os alunos da pré-escola irão receber esse material, conforme definição do Plano Nacional do Livro Didático (PNLD), coordenado pelo Ministério da Educação.

As discussões sobre a escolha da editora começaram no dia 16 de agosto, culminando com a apresentação das propostas pelos gestores das UEIs e escolas que possuem turmas da Educação Infantil no encontro realizado nesta quarta, na Escola Municipal André Luiz, no bairro Aeroporto.

Para a gerente pedagógica da Secretaria Municipal de Educação, Gilneide Lobo, esse momento representa um avanço para o processo de ensino-aprendizagem das crianças da pré-escola. “Quando teve início a política do PNLD para a Educação Infantil, os livros eram distribuídos especificamente para os professores, mas a partir de 2022 esses livros chegarão também para as crianças de pré-escola, o que traz uma nova perspectiva para a Educação Infantil”, destacou.

Gilneide Lobo, gerente pedagógica da rede municipal de ensino

No encontro desta manhã, os gestores compartilharam as escolhas que foram feitas em conjunto com professores e supervisores escolares. As sugestões foram entregues por meio de envelopes, que só foram abertos durante a reunião. “A editora com mais menções pelas equipes é a que a rede municipal vai solicitar a distribuição dos livros através do Programa Nacional do Livro Didático”, acrescentou Gilneide Lobo.

A professora Maquezia Morais, coordenadora da Educação Infantil da Secretaria Municipal de Educação, também destaca a importância da escolha democrática dos livros didáticos e pedagógicos. “Os livros subsidiarão a prática e o fazer do professor, a partir da realidade do seu público infantil. Esse material vai potencializar o conhecimento das nossas crianças, será um recurso a mais para contribuir com as experiências, com as habilidades que as crianças precisam desenvolver, que é tão necessária na Educação Infantil”, concluiu.

Maquezia Morais, coordenadora da Educação Infantil da Secretaria Municipal de Educação

 



Deixe seu comentário


0 Comentário(s)