Tamanho da fonte

25/08/2021 - Editado há 1 mês

Educação capacita assistentes sociais que atuarão na Busca Ativa Escolar

Por: Maricelio Almeida
Foto: Allan Phablo/PMM

A Secretaria Municipal de Educação promoveu, ao longo desta quarta-feira, 25, uma capacitação com as assistentes sociais das Unidades Básicas de Saúde (UBSs) do município que irão atuar na Busca Ativar Escolar, iniciativa que busca identificar as crianças que estão em situação de abandono e/ou evasão escolar. A capacitação ocorreu no auditório do Centro Administrativo da Cidadania Prefeito Alcides Belo, bairro Aeroporto.

O trabalho, que já vem sendo realizado desde o início deste mês, acontece em parceria com as secretarias da Saúde e da Assistência Social e Cidadania, como destaca o coordenador operacional da Busca Ativa e coordenador de Registro e Inspeção Escolar da Secretaria Municipal de Educação, Hélio Oliveira:

“Essa intersetorialidade é fundamental, porque se não houver uma articulação, os dados referentes ao abandono e evasão escolar se tornam apenas números, agora quando articulamos esses diferentes agentes, esse dado deixa de ser apenas um número e passa a ser de fato um sujeito de direito, porque esses profissionais vão me garantir, por exemplo, que a gente identifique essa criança, saiba quem é o pai, a mãe e o que levou a essa evasão escolar, entre outras informações”.  

Hélio Oliveira, coordenador operacional da Busca Ativa Escolar

Hélio Oliveira explica ainda como se dará a atuação da equipe de campo da Busca Ativa. “O profissional vai identificar, na sua área, crianças e adolescentes em idade escolar e que estejam fora da escola, em situação de abandono ou de evasão. Esse profissional vai criar um alerta, gerenciar este caso para que as secretarias envolvidas possam entender esse caso e garantir que essa criança tenha o acesso à escola, por meio de uma rematrícula e um acompanhamento pedagógico”, pontuou.

O coordenador relembra as etapas percorridas até aqui para que a Busca Ativa Escolar pudesse se concretizar. “A partir de janeiro, o prefeito Allyson Bezerra fez a readesão à estratégia da Busca Ativa Escolar e de lá para cá estamos nessa articulação, de garantir que essas equipes sejam de fato capacitadas, cadastradas na plataforma e que elas estejam em campo, o que deve ocorrer já no mês de setembro”, relatou Hélio Oliveira.

A assistente social Janielly Mendonça, coordenadora da Política de Atenção Integral à Saúde da Criança e do Adolescente da Secretaria Municipal de Saúde, comemora a parceria com a Secretaria de Educação para a efetivação da Busca Ativa Escolar e destaca o papel da assistência social nesse processo:

“O agente comunitário de saúde faz o alerta do caso e as assistentes sociais farão as visitas para acompanhar o caso. O alerta é enviado para o nosso coordenador operacional, que tomará ciência e vai passar o caso para mim, que enquanto supervisora estarei acompanhando a situação juntamente com a Educação, Saúde e Assistência Social na perspectiva de contribuir com a diminuição dos casos de evasão e abandono escolar aqui no município”, enfatizou.

A capacitação segue até segunda-feira, 30, em formato virtual, com os agentes comunitários de saúde. “Todos os agentes estão convidados a participar desse momento tão importante para as crianças e adolescentes do nosso município”, finalizou Janielly Mendonça.



Deixe seu comentário


0 Comentário(s)