Tamanho da fonte

 Cultura
Segunda-feira - 02/08/2021

Biblioteca Municipal Ney Pontes Duarte volta a receber visitação de grupos de estudantes e incentiva leitura para crianças

Por: Adneison Severiano
Foto: Allan Phablo/PMM

A Biblioteca Municipal Ney Pontes Duarte voltou a receber visitação de grupos de alunos de escolas públicas e privadas, nesta segunda-feira (2). A visitação em grupos havia sido suspensa por quase dois anos por conta da pandemia da Covid-19. A retomada segue as normas de prevenção à Covid-19 e com controle de público a cada visitação. Promover o acesso de jovens à literatura com incentivo à leitura é uma das ações desenvolvidas pela Secretaria Municipal de Cultura na Biblioteca Municipal.

Diretora da Biblioteca Municipal Ney Pontes Duarte, Rafaella Costa explicou que a retomada da visitação marca as ações de incentivo e promoção da leitura em crianças. “Estamos retomando hoje, 2 de agosto, começando agosto com muito gosto de receber crianças. Uma forma de incentivar a leitura e formar novos leitores junto com as escolas, nessa parceria de formar novos cidadãos leitores. Uma coisa muito importante, hoje estamos concorrendo com as tecnologias. A importância é que as escolas saibam que estamos retomando depois de quase dois anos essa atividade na Biblioteca Ney Pontes, que as escolas promovam ainda mais essas visitas e as crianças tenham esse interesse. Nós temos um acervo infantil que é totalmente voltado para as crianças e essa iniciação de leitores mesmo, desde a pré-escola até o 5º ano que a gente tem que incentivar realmente. É uma retomada bem significativa, satisfatória e feliz. Aos poucos vamos retomar de forma geral”, destacou Rafaella Costa.

Durante a visitação de grupos de alunos, os protocolos e cuidados de prevenção à Covid-19 serão seguidos. “Nós estamos seguindo porque ainda estamos em meio a uma pandemia e seguimos todos os protocolos, atendendo ao limite de até 150 pessoas. Estamos recebendo um número maior do que a quantidade de alunos que costuma vir somente estudar aqui. Seguimos todos os protocolos como uso de máscara e álcool em gel e tentar manter um distanciamento mesmo sendo crianças. Os parceiros que trazemos para contação de histórias antes mesmo de iniciar fazem essa recomendação”, ressaltou a diretora da Biblioteca Municipal.

Os alunos do Colégio Tempinho Livre foram os primeiros a visitarem a Biblioteca Municipal, que funciona no prédio histórico da União Caixeiral, na Praça da Redenção, Centro. Os alunos são das turmas de Jardim III e IV, além do 1º, 2º, 3º,4º e 5º anos do Ensino Fundamental da unidade de ensino que funciona no loteamento Nova Mossoró. O ator e diretor teatral Júnior Félix contou para as crianças histórias do livro "Os animais têm razão", do poeta mossoroense Antônio Francisco.

“É o primeiro contato que eles têm com a Biblioteca Pública. Isso se deu pelo nosso projeto de leitura que estamos trabalhando desde o início do ano letivo, um projeto de incentivo à leitura para nossos pequenos que sabemos que é tão importante. Estamos colocando em prática a segunda parte do nosso projeto de leitura. Eles ficaram muitos felizes porque eles gostam muito desse universo de leitura”, disse Paula Patrícia, que é diretora da escola.

As escolas públicas e privadas que tenham interesse em levar grupos de estudantes para visitação podem procurar a equipe da Biblioteca Ney Pontes. “Pode vir à biblioteca ou entrar em contato conosco pelos nossos telefones 3315-5177 ou 3315-5178 ou entrar em contato pela nossa rede social no perfil @bibliotecaneypontes e também pelo e-mail bibliotecamunicipal@prefeiturademossoro.com.br para agendar a visita”, informou a diretora Rafaella Costa.

Este ano, a Biblioteca Municipal Ney Pontes Duarte completa 73 anos e continua sendo marco para literatura, cultura e história de Mossoró. A Biblioteca Ney Pontes Duarte tem cinco acervos com milhares de exemplares de livros e documentos. O acervo é classificado por Infantil, Geral, Referência, Obras Raras e Coleção Mossoroense/Norte-rio-grandense.


Podcast Mais Mossoró





Deixe seu comentário


0 Comentário(s)